Selinho clubinho da costura

sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Entretelas: tipos e usos (Parte I)


Que uma boa entretela pode mudar a cara de uma peça não é nenhum segredo, porém, muita gente ainda tem dúvidas sobre qual é a melhor entretela para cada tipo de trabalho, visto que cada uma é ideal para um tipo de tecido e resultado esperado.

Mas, o que é entretela e pra que ela serve?
A entretela é um material aplicado no tecido para encorpar e estruturar uma peça, seja ela uma roupa ou um projeto de patchwork. Considerada um aviamento, ela tem diversas variações, tanto de materiais como de espessura. As entretelas podem ser de algodão, TNT, viscose, lã ou malha, finas ou grossas, com cola e sem cola.
Seu uso mais comum é em colarinhos de camisas e punhos, porém é muito utilizada em ternos, blazers, cós de saias e calças, bordados, entre outros.

Classificação:
Costumamos classificar as entretelas em dois grupos: as costuráveis e as fusionáveis (termocolante). 
ENTRETELAS COSTURÁVEIS: São aquelas que são fixadas à peça através de costura. Em outras palavras, são aquelas entretelas sem cola, em sua grande maioria, de TNT/papel. Elas são indicadas para projetos em que não se quer alterar as características do tecido, mas estruturá-lo mesmo assim. Muito usadas no patchwork para fazer a técnica do Foundation. 

ENTRETELAS FUSIONÁVEIS (ou termocolantes): São as entretelas com cola, que são fixadas ao tecido com o auxílio do ferro de passar ou de uma prensa. Em suas grande maioria são utilizadas na indústria de vestuário, pois facilitam o trabalho, já que são coladas ao tecido e garantem melhor fixação para costurar. Aqui vale a dica: escolha entretelas com cola de boa qualidade, pois entretelas ruins podem causar bolhas e estragar o visual o tecido.

Tipos de entretela:
Hoje em dia existem diversos tipos de entretela disponíveis no mercado, cada uma é ideal para um tipo de projeto e por isso é importante escolher com cuidado. (Na hora de comprar, confira se para o tipo escolhido há disponibilidade de entretela com cola ou sem cola)

TNT (Tecido não tecido), mais conhecidas por entretelas de papel: são disponibilizadas em diversas espessuras, desde a mais fininha até aquelas bem grossas. São fáceis de encontrar em armarinhos e lojas de tecidos, são baratas e super simples de aplicar. Porém, em geral, elas vem amassadas e rasgam com facilidade. Depois de coladas, não é possível reaproveitá-las caso a colagem não tenha ficado boa, só cortando outra e reaplicando. Não aguenta muitas lavagens.

Tecido Plano: são entretelas muito similares aos tecidos, porque são fabricadas com a mesma estrutura, ou seja, com fios na trama e urdume. São mais encorpadas e resistentes que as entretelas de TNT, dificilmente rasgam, são fáceis de aplicar e de remover e reaplicar, caso a aplicação não tenha ficado adequada. Porém, não são tão fáceis de encontrar quanto as de TNT e têm o preço mais elevado. Disponíveis em diversas espessuras, com boa resistência a lavagens.

Malha: são as entretelas mais maleáveis, que mantém o caimento do tecido e são utilizadas principalmente em peças de malha, tecidos finos e em alfaiataria. Essas entretelas deixam o tecido encorpado, mas não rígido. Vale lembrar que elas esticam, porém não tanto quanto o tecido de malha. São disponibilizadas em várias cores, até mesmo quase transparente. Assim como as entretelas de tecido plano, têm boa resistência a lavagens.

Antes de escolher uma entretela para um projeto, é interessante pedir algumas amostras e fazer testes, para saber qual delas melhor se adapta à criação que será feita, conferir aderência e resultado após a lavagem. 


Essa foi a parte I da nossa conversa sobre entretelas. Na próxima semana vamos falar sobre como aplica-las. 

Postado por Débi {Lusco Fusco}

10 comentários:

Claudia on 3 de janeiro de 2014 10:22 disse...

Ótimas dicas, fazia tempo que eu procurava saber mais sobre entretelas, muito obrigada!!!! Beijo grande, Clau.

Ina Nicole De Araujo on 4 de janeiro de 2014 23:26 disse...

Adorei ter encontrado esse blog!! Sou iniciante na costura e estou anotando tudo!!! Muito obrigada!!beijos!!!

Ange disse...

Dicas ótimas, mas texto derrapando feio no português!

ANA REGINA on 5 de janeiro de 2014 18:56 disse...

Vim desejar um Ano de muita criatividade, amizades e carinho!
Muita saúde e paz!
Feliz 2014!
Bjnhs no ♥

ANALAICE on 5 de janeiro de 2014 18:57 disse...

Muito boa esta matéria sobre entretelas...Assim dá para aprender bem direitinho...

Feliz 2014!!!!!!!!!!!!

Beijos...

Anônimo disse...

como tirar mancha de cola da entretela da roupa

Adriana Vasco on 22 de março de 2014 12:21 disse...

Obrigada pelo blog. Sou iniciante na costura como a amiga ai de cima e estou aprendendo muito!

mere guima on 20 de novembro de 2015 14:55 disse...

quero saber como tirar a cola da entretela do tecido, pois foi passada e tirada e ficou a cola já lavei 2 vezes e não saiu .Obrigada

selma costa on 4 de fevereiro de 2016 01:53 disse...

bom,gostei muito, e sempre bom encontrar pessoas disposta a nos ajudar a encontrar ou trilhar melhor um caminho, fico triste só com pessoas que ao invés de agradecer, fica criticando o português, ora a pessoa ta tentando ajudar outras, e para se ajudar não é necessário ser formado em letras, ou algo assim, absorva a ideia, e pronto, compreenda o teor da mensagem e pratique, não critique assim vc vai desmotiva-la se não serviu pra vc a dica, foi util a muitos, a escrita, a grafia, ortografia e tudo que tiver fia, são detalhes, o mais importante e o resultado.

Tania on 10 de dezembro de 2016 05:49 disse...

Parabéns Selma Costa . Gratidão .

Postar um comentário

 

Clubinho da Costura Copyright © 2012 Design by Cali Criativa