Selinho clubinho da costura

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Nos Zig Zags da vida



Recebi essa semana um e-mail muito bacana, que contava uma história, e gostaria de dividir com vocês:

“Desde pequena, a moça costumava conviver com tecidos, tesouras, linhas e agulhas de diversos padrões e cores. Sua mãe, exímia costureira, sustentava toda a família com trabalho e honestidade.
A moça casara-se com um frio empresário, que gastava muita energia com os negócios e dava muita importância ao que ela nem sempre achava essencial.
Já estava acostumada a ver o marido cortar os passeios com os filhos por almoços de negócios, ou falar em muitos cortes, mudanças precipitadas...Isso sem falar nas inúmeras vezes em que ela foi cortada ao tentar argumentar, ao tentar discutir problemas cotidianos...

Numa rara noite em que estavam todos em casa, o caçula começou a implicar com o irmão. O pai, que estava sempre ocupado, detestava barulho e sem querer ouvir ou entender a situação, mandou os dois para o quarto, sem conversa.
Vendo o acontecido, a mulher pegou a sua caixinha de costura e chamou o marido.
Contra a vontade, mas vendo que não tinha escolha, o marido seguiu o chamado da moça, sentou-se ao seu lado e ficou olhando os retalhos, a agulha, a tesoura e os carretéis, sem entender nada...

- Meu bem, para que serve a tesoura? – perguntou a mulher
- Para cortar, aparar...
- E a agulha?
- Para costurar, ora! – respondeu o marido
- Você consegue fazer uma colcha de retalhos só cortando?
- Na verdade, não faria de jeito nenhum, não sei costurar, lembra?
- Não estou brincando! – disse a mulher  - Você já viu ou soube de alguma costureira que costura sem linhas e agulha, só com a tesoura?
- Não, claro que não.
- Minha mãe falou um dia, quando meu pai nos deixou, que nossa família era como uma colcha de retalhos. Cada um de nós era um retalho colorido. Para que a colcha fique sempre bonita, precisamos usar a agulha e as linhas.
- E daí?
- E daí que você só sabe usar a tesoura. Corta nossos momentos de lazer, corta nossas conversas, corta o diálogo com as crianças. Você só separa, separa...
- Eu?
- Sim. Aprenda a unir a nossa família. Aprenda a unir o seu trabalho com a gente, unir os seus amigos aos meus...Talvez um dia você perceba que nos cortou da sua vida, e então será tarde demais.

O marido nada disse, sinal de que ia pensar e refletir. Mudanças demandam tempo.
Dali uma meia hora, o homem entrou no quarto de seus filhos, e lá junto deles, a mulher costurava uma linda colcha de retalhos.  Ele uniu-se aos três e os levou para jantar.”

Que tal começarmos o fim de semana refletindo sobre o que estamos cortando e sobre aquilo que devemos costurar?

Um ótimo final de semana!

Débi

Texto adaptado do autor Assis Almeida


13 comentários:

Ana de Geo on 16 de agosto de 2012 13:28 disse...

Ow que lindo, gente...
Vou prestar mais atenção em como andam minhas agulhas e linhas a partir de agora... Porque a tesoura a gente usa sem nem perceber, mas a agulha só com muito cuidado!
Beijos!

Frida Lucia on 16 de agosto de 2012 13:43 disse...

Uau, fiquei arrepiada com este texto!

Obrigada por partilhar.
Bjs. Frida Lucia
www.agulhascolhereseafins.com

Rejane Custódio on 16 de agosto de 2012 13:54 disse...

Lindo! Adorei! Muito bom pra refletir, até porque cortar é muito mais fácil que costurar né. Temos que pensar sobre isso. Beijos

Mery Vale on 16 de agosto de 2012 15:19 disse...

Linda estória...amei!
E é a pura verdade...!Com muita sutileza ela o fez perceber a importancia das agulhas e linhas,fazendo com esquecesse um pouco da tesoura.Bela união de retalhos!
Beijos Calíope,e quando puder, amaria sua presença no meu humilde cantinho viu!
Mery

Camila Schone on 16 de agosto de 2012 15:50 disse...

Que lindo isso :) Adorei

Calíope Corrêa on 16 de agosto de 2012 18:15 disse...

Ai que coisa mais lindaaaaaaaaaaa! =D
Me emocionei com essa história Débi... tu é uma arretada!

Lúcia on 17 de agosto de 2012 13:32 disse...

ola
adorei um reacado para a vida que nos faz pensar bejs boa semana .

Miuda Pintinhas on 17 de agosto de 2012 14:36 disse...

Muito lindo, e muito sábio.

Érica D'ávila on 18 de agosto de 2012 13:35 disse...

Muito bom Débi!!! Um super alerta para todos !!!

Acho que vamos ver mais colchas de retalho por aí...e menos cortes incertos e desmedidos !!

E que bom que vc publicou esse texto aqui, Calíope !!

Vc arrasaram meninas!!

Gisa on 18 de agosto de 2012 14:51 disse...

Maravilhoso! Muito importante esse texto nos dias corridos que vivemos!

Letícia on 23 de agosto de 2012 14:00 disse...

Linda mensagem!!!
Adorei.
Acompanho sempre o blog e este post foi o mais lindo que li.

beijos

www.ledecora.blogspot.com

Rose Campos on 18 de setembro de 2012 23:09 disse...

Muito tocante esse texto.
Obrigada pela lição.
Abraços

Artesanato da Gisa on 6 de julho de 2013 16:36 disse...

Lindo texto! Uma lição de vida! Beijos.

Postar um comentário

 

Clubinho da Costura Copyright © 2012 Design by Cali Criativa